MAIS IDH ou MAIS ENROLAÇÂO? Belágua está há 2 anos sem professor de Matemática

11:18

De um lado Flávio Dino esquece a juventude de cidades carentes,  do outro lado Ronaldo Serra luta por um Maranhão melhor
Para quem não sabe, o Governador Flávio Dino, por meio do Decreto 30.612 de 02 de janeiro de 2015, instituiu o Programa MAIS IDHcom a finalidade de desenvolver ações para superar a pobreza extrema e as desigualdades sociais nos meios urbanos e rural, nos 30 municipios com menor IDH do Estado. 

Tudo parece perfeito, exceto por um pequeno detalhe: No município de Belágua, por exemplo, que possui um dos menores IDH do Brasil, observa-se que, onde o MAIS IDH deveria funcionar a todo vapor, o programa está mais para MAIS ENGANAÇÂO, tudo porque, segundo os próprios jovens que residem na localidade e utilizam a única escola pública do Ensino Médio da Cidade, afirmam que já estão há quase dois anos sem aula de matemática e sem qualquer perspectiva que essa situação melhor. Veja o vídeo abaixo (mais precisamente aos 30 segundos em diante):









O titular deste blog fica a disposição para que o Governo do Estado preste esclarecimentos acerca de por qual motivo os alunos estão a tanto tempo sem aula de matemática sobretudo em uma cidade onde o Programa MAIS IDH deveria estar atento a pequeno detalhes como ste que fazem toda deiferença na vida da dos jovens.

Ressaltamos ainda que a situação só não está pior graças a atuação do Movimento Popular da Juventude do Maranhão - MPJM, que é coordenado por Ronaldo Serra e que tem desenvolvido diversas oficinas dentro de Belágua, bem como em Urbano Santos, onde uma delas consiste em aulas preparatória para o vestibular e totalmente gratuitas.

Ao ser contactado para comentar esta situação caótica, o Presidente da ONG apenas disse que a instituição não tem objetivo de adentrar dispustas eleitorais, lamentou que a ausência de aulas seja uma realidade na vida de jovens tão sofridos e que continuou dizendo o Movimento Popular da Juventude do Maranhão continuará desenvolvendo o seu papel na construção de um Maranhão melhor e mais justo.

You Might Also Like

0 comentários