LUTO:Morre o ex-deputado e ex-prefeito Zé Vieira

12:21


Morreu nesta terçã-feira (19) o ex-deputado federal e ex-prefeito de Bacabal Zé Vieira.
Ele estava ultimamente em São Paulo, onde tratava um câncer no hospital Sírio-Libanês.
O político tinha 85 anos.

O DESCASO É A MARCA DE UMA CIDADE MAL ADMINISTRADA, ÔNIBUS ESCOLAR FICA ATOLADO

05:18


Olho d'Águas das Cunhãs não vive um bom momento. A população Olhodaguense não tem recebido a devida atenção das autoridades competentes. 

Um ônibus fica atolado na estrada que dar acesso ao Povoado Francelina, Limoeiro da Mata e outros, a situação está prejudicando alunos que precisa ir e voltar da escola, tarefa que se tornou um desafio para o condutor devido às péssimas condições das estradas. Segundo os moradores, o trecho praticamente intrafegável não era pra está na situação que se encontra, o ocorrido só acontece por que foi feita uma manutenção de péssima qualidade na estrada. 



FOTOS E VÍDEO ABAIXO DO MOMENTO QUE ÔNIBUS FICA ATOLADO:









Créditos Blog Mearim Notícias

Vice-prefeito Manoel da Polo emite nota de esclarecimento aos araiosenses

18:37



NOTA DE ESCLARECIMENTO 





Ao tomar conhecimento das odiosas acusações do prefeito Cristino na citação de meu nome em mais um vídeo institucional, que deveria servir para prestar contas de sua administração à sociedade araiosense, venho a público esclarecer algumas afirmações caluniosas do senhor Cristino, ao mesmo tempo que manifesto o meu repúdio ao uso do dinheiro público em gravação de vídeo para expor mentiras e atacar cidadãos, que estão diuturnamente trabalhando pelo bem do nosso município, exemplo que deveria ser rigorosamente seguido pelo gestor por obrigação e força do mandato. 

Eu, como homem público, me orgulho em toda a minha vida política nunca ter abandonado o meu povo pela promessa de regalias e o aconchego do poder. Foi assim como um dos vereadores mais bem votados do município, quando preferi, ao invés de estar em baixo das asas do prefeito, ser oposição e caminhar de cabeça erguida com meu povo. Como vice-prefeito, desde o primeiro momento quando percebi a falta de compromisso do atual gestor, novamente optei em sair do governo e poder falar com meus conterrâneos que não os abandonei em troca de cargos e regalias. 

É falsa as afirmações que foram negociadas secretarias, e, que houve interferência por parte do grupo de Manoel da Polo na soberania do Poder Legislativo Municipal, que atuava, pela vontade e clamor social. 

Causa estranheza as afirmações do senhor prefeito, ao se referir a negociação de secretarias, uma vez que aqueles que tentaram criminosamente extorquir, de um possível futuro governo, secretarias e outras vantagens para si, estão justamente do lado do prefeito, por perceberem que sou um homem pobre, mas honrado e não negocio valores sejam econômicos ou morais com bandidos. 

Vereadores que exigiram, para votar a favor do povo, até seis secretarias do vice-prefeito e não foram atendidos, estão hoje do lado de Cristino. Porque sabem que se um dia estiver prefeito, governarei para o povo e não somente para esse ou aquele vereador. 

Por não ter negociado cargos e pela falta de sensibilidade de cinco vereadores com o sofrimento do povo, posso não estar prefeito hoje, mas continuo honrado e honrando aqueles que confiam em mim. 

Se Deus nos permitir estar um dia prefeito dos meus irmãos araiosenses, nosso compromisso de secretaria será o feito em campanha. Dando a cada categoria, o direito de escolher seu representante no poder executivo, tal qual foi feito na escolha do secretário de educação, professor Ribinha, que por descompromisso da gestão, não lhe deram as devidas condições de trabalho. Esse sim seria nosso compromisso, reparando as injustiças, respeitando a soberania do voto daqueles que escolheram seu representante na educação e estendendo tal procedimento às outras áreas. 

Com o Poder Legislativo Municipal, nosso compromisso é trabalharmos juntos pelo bem de Araioses, atendendo as demandas de cada vereador e lhe dando voz e vez em sua comunidade. 

Pelas injurias do senhor prefeito, nossa assessoria jurídica tomará todas as medidas e o representará judicialmente, para que outros cidadãos não sejam novamente vitimas daquele que ao invés de gravar vídeos com o dinheiro do povo, deveria estar trabalhando por todo o município. 

Manoel da Polo 


___________________________________


Vice-prefeito Municipal de Araioses


Créditos Blog Márcio Maranhão

Presidente Bolsonaro manda destinar mais de 130 milhões para a saúde no Maranhão e deixa governador comunista de queixo caído

16:35


                 

                     Presidente Jair Bolsonaro

Ao contrário que os comunistas e petistas andaram espalhando nas eleições 2018, que se o presidente Jair Bolsonaro fosse eleito iria dar as costas para o Maranhão e perseguir o governador Flávio Dino. 

O nosso presidente está é ajudado o Maranhão, destinando recursos em diferentes áreas para tirar o Estado da crise que Lula, Dilma, Flávio Dino e corja petralhada colocaram o Estado levando-o a falência múltipla.

O presidente Jair Bolsonaro através das ações enérgicas que estão sendo realizadas pelos seus ministros, vai colocar o Maranhão nos trilhos do desenvolvimento e do progresso. Com segurança, saúde, edução e infraestrutura visando uma melhor qualidade de vida ao povo maranhense.

A prova disso, o Governo Federal através do Ministério da Saúde, vai destinar 130 milhões de reais para a saúde no Maranhão. A decisão do governo, foi anunciada pelo Ministro da saúde, Luís Henrique Mandetta. O anuncio foi feito na quarta -feira(13), na capital federal em uma reunião com parlamentares maranhenses. 

A ajuda do Governo Federal destinada aos municípios maranhenses, objetiva atender as demandas da saúde no Estado, em hospitais de alta e média complexidade, SUS, UPAs, maternidades e demais unidades de saúde da capital e do interior.

                
Ao ajudar o Maranhão a sair da crise, o presidente Jair Bolsonaro, deixa o governador comunista Flávio Dino, de boca aberta e queixo caído. O ex-juiz tem muito que aprender com o capitão! 
               

Esperamos que não haja desvio de verbas públicas por parte do Governo do Estado como houve na gestão passada no governo comunista, onde mais de 18 milhões de verbas federais destinadas a saúde pública no Maranhão, foram desviadas sem que até agora nem um centavo desse dinheiro roubado foi reposto aos cofres públicos, o que ocasionou a falência da saúde que se encontra em estado de coma.      

        
Presidente Jair Bolsonaro, vai tirar a saúde do estado de coma em que se encontra no Maranhão   
                            
Louvável é a iniciativa do Governo Bolsonaro, em  ajudar o Maranhão a superar a crise da saúde no Estado. Nós maranhenses agradecemos ao nosso presidente e pedimos que ele mande fiscalizar cada centavo desse dinheiro, para não ser surrupiado nas prefeituras e nem por secretários e políticos da base do governo comunista no Maranhão.

                 
Enquanto o presidente Bolsonarao se preocupa com a pobreza que existe no Maranhão e manda recursos federais para tirar o Estado da crise em que se encontra. O governador comunista Flávio Dino depois de tomar todas em pleno o carnaval. Usa o palanque político armado por ele na folia momesca com o dinheiro do Estado, para fazer apologia ao comunismo no Maranhão, tentando atrair pra si os holofotes da mídia nacional. Ridículo! Só faltou ele fumar um charutu cubano.

                 
                          

                 
                 Eita Dino! Essa cachaça foi brava, não tem magnífica que aguente
                  

APRENDA ESTA LIÇÃO COM O NOSSO PRESIDENTE JAIR BOLSONARO, GOVERNADOR FLÁVIO DINO.

"EM EM VEZ DE PERSEGUIR OS SEUS ADVERSÁRIOS POLÍTICOS E AQUELES QUE NÃO LEEM A SUA CASTILHA COMUNISTA, FAÇA COMO O NOSSO PRESIDENTE BOLSONARO, TRABALHE PARA TIRAR O MARANHÃO DA FALÊNCIA EM QUE O SEU GOVERNO COMUNISTA COLOCOU ESTADO".

Novo partido de Bolsonaro será lançado na serra gaúcha

18:23


Ato de inauguração da legenda está previsto para ocorrer em 7 de abril, no Grande Hotel Dall'Onder, em Bento Gonçalves 

CARLOS ROLLSINS

Presidente Jair Bolsonaro lançará seu novo partido em evento em Bento Gonçalves, na serra gaúchaMarcos Corrêa / Presidência da República/Divulgação
De saída do PSL, o presidente Jair Bolsonaro irá lançar o seu novo partido no dia 7 de abril, primeiro domingo deste mês, em evento previsto para ocorrer no Grande Hotel Dall'Onder, em Bento Gonçalves, na serra gaúcha. Estão reservados um salão e o restaurante, onde haverá um almoço. Até o momento, a organização trabalha com a estimativa de 150 convidados. A reportagem entrou em contato com o hotel nesta quarta-feira (13) e obteve a confirmação da reserva.